sábado, 14 de janeiro de 2012

De Repente...



... E se de repente eu olhasse para o lado e te visse me olhando, por certo meu coração congelaria, a minha respiração cessaria... Nesse instante, eu ficaria te olhando, petrificado, parado e sem ação, pois minha timidez certamente me impediria de dizer algo que esta travado em minha garganta... que é... Eu te amo. ♥

                                                            By: Fábio Baptista