sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Sob O Lençol...



... E o teu corpo ainda tem as minhas digitais, ainda tem o meu perfume... na tua cama ainda tem o meu suor, mas no teu coração nenhum sentimento habita, restou apenas um imenso vazio. 
Ainda tenho a imagem do teu corpo lindo, sob o lençol... a pele branca, os cabelos negros... este corpo ainda habita as minhas fantasias, desejos que me fazem estremecer todo e que me sufocam. 
No meu corpo, há bem mais do que simples marcas, em minha mente há lembranças vivas de um tempo em que eramos nós, que eramos dois... hoje, só me resta essa saudade que teima em não ir embora jamais.


                                                       By: Fábio Baptista