sábado, 5 de novembro de 2011

Um Brinde Amargo



"Que a dor que me consome, tu brindes com a bebida mais amarga, pois chegará o dia em que tu entenderás de uma vez por todas que a dor que me causaste passara, mas a tua perda não,  a faca que cravastes em meu coração doi, mas a dor maior... quem sentirá é você, pois não será em outros olhos que verás mais amor, nem em outros beijos que sentiras mais paixão, nem em outro corpo que sentiras mais prazer, trocastes uma vida de felicidade por uma aventura passageira, agora brindes a isso, levante a taça e comemore, mas saibas que a bebida amarga do teu brinde serão... as tuas lagrimas."


                                            By: Fábio Baptista





* Para minha amiga Amanda Menezes, a pedido.