sábado, 26 de novembro de 2011

Coração de Ouro



"Você se esquiva, foge e reluta em aceitar o meu carinho, aceitar o meu amor por você... talvez um dia desses quando não me ter mais, quando a canseira me vencer e eu desistir de lutar... e você parar pra pensar em todas as vezes que o vento da vida te jogou pra lá e pra cá... talvez neste dia você de valor ao que perdeu, de valor ao que se foi pra não mais voltar, não tenho perolas e nem diamantes pra te dar, nem sequer bijouterias, mas tenho muito carinho por ti e um coração de ouro pra te amar."


                                               By: Fábio Baptista